O impacto da LGPD no setor de Tecnologia da Informação

13/10/2021

A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) se tornou um dos temas mais comentados ultimamente. Isso ocorre por conta da grande influência do tema, especialmente no setor de tecnologia da informação.

lgpd

O objetivo da lei é criar regras para o uso de dados de usuários em plataformas digitais, garantindo o direito à privacidade e conferindo maior transparência e segurança às práticas virtuais. Por dispor especificamente sobre plataformas digitais, a lei afeta consideravelmente as empresas do setor de TI, que deverão se adaptar à nova legislação.

Na conversa de hoje falaremos sobre o impacto da LGPD no setor de TI, quais os benefícios desta legislação, qual a influência dessa lei na locação de tecnologia e quais são as consequências do vazamento de informações dentro da empresa. Quer saber mais sobre esse tema? Venha conosco!

Como a LGPD irá impactar o setor de TI? Quais os benefícios trazidos por essa legislação?

lgpd

Inspirada na GDPR (General Data Protection Regulation) europeia, a LGPD aborda o armazenamento e o tratamento de dados dos usuários. Desta forma, as empresas de TI são as mais afetadas, pois com o aumento do número de exigências no tratamento de informações pessoais, a operação se torna mais complexa, estimulando a transparência absoluta em todas as etapas.

Ações comuns como o uso de dados no direcionamento de anúncios, por exemplo, terão de seguir novas regras. As campanhas de Marketing de muitas empresas terão de passar por mudanças e pela adequação aos novos compromissos com o usuário.

Contudo, mais que uma exigência legal, a LGPD pode ser uma poderosa forma de garantir confiabilidade à sua empresa. Como as normas da LGPD exigem maior segurança dos usuários e estabelece critérios rígidos para tal, estar de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais significa que a sua empresa preza pela segurança dos dados pessoais de seus clientes e possui meios adequados para garanti-la.

Desta forma, os investimentos e mudanças exigidos pela lei podem beneficiar tanto os usuários quanto as organizações. Confira a seguir alguns dos benefícios da legislação de proteção de dados:

Maior segurança: Para estar em conformidade com a LGPD, será necessário aumentar – ainda que temporariamente – os investimentos em segurança dentro das empresas. Desta forma, o usuário terá maior tranquilidade quanto ao uso de seus dados por parte da empresa.

Transparência: As organizações devem demonstrar como é feito o uso de dados dos seus usuários e clientes. Com isso, o usuário poderá saber qual como seus dados pessoais são armazenados, processados e utilizados, consentindo ou não com seu uso. Tal possibilidade faz com que o usuário se sinta respeitado pela empresa.

Redução de custos: As medidas de segurança adotadas para entrar em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados culminam na melhoria de todos os processos relativos ao tratamento de dados. Com isso a incidência de eventuais problemas relativos ao vazamento de dados, como processos judiciais, cai consideravelmente.

Quais são os desafios trazidos pela LGPD ao setor de TI?

lgpd

A LGPD exige transparência no tratamento das informações dos usuários. Isto é, cada indivíduo deve saber como seus dados serão armazenados, processados e utilizados. Até mesmo o uso de dados para publicidade deve ter políticas muito claras, o que causa complicações mesmo para grandes empresas como o Google e o Facebook.

É necessário ter atenção total ao modo como as informações são tratadas. Isso é especialmente verdadeiro quando se trata das empresas de TI, que devem, além de proteger os seus próprios usuários, garantir que os seus clientes estejam de acordo com a lei.

Empresas focadas na locação de tecnologia, como a Altbit, são um bom exemplo disso, pois, ao locar um equipamento, o fornecedor dos aparelhos também é responsável pela transparência no uso de dados dos seus clientes.

Por exemplo, ao locar equipamentos para um E-commerce que coleta os dados de seus visitantes para otimizar sua sugestão de produtos, esses dados podem ficar armazenados nas máquinas locadas. Por isso, ao armazenar esses dados em equipamentos de terceiros, é necessário conhecer com clareza e profundidade as políticas seguidas pelo fornecedor, pois ele também terá acesso às informações dos clientes desse e-commerce.

Contudo, o uso de equipamentos locados é uma das melhores formas de se adequar às exigências da LGPD. Isso ocorre porque, ao locar tecnologia, todo o processo de adequação à lei é realizado pelo fornecedor dos equipamentos. Isso permite que você não precise realizar esse procedimento internamente, poupando muitos esforços e reduzindo a demanda por especialista, o que também ajuda consideravelmente na redução de custos.

Quer alugar os melhores notebooks, tablets, chromebooks e outros equipamentos de TI com uma empresa ágil e confiável e adequar a sua empresa às normas da LGPD? Venha para a Altbit! Oferecemos um atendimento 100% personalizado, capaz de atender todas as suas necessidades com precisão!

Atuamos na locação de equipamentos de TI, salas de treinamento, outsourcing de impressão e GED. Interessado em nossos serviços? Faça um orçamento conosco!

Gostou de saber mais sobre os impactos da LGPD no setor de Tecnologia da Informação? Siga o nosso Blog e não perca nenhuma novidade! Siga também as nossas redes sociais Instagram, Facebook e Linkedin! Até a próxima!

Posts Relacionados

Hardware as a Service: o que é quais suas vantagens?

Hardware as a Service: o que é quais suas vantagens?

Como já falado algumas vezes aqui em nosso blog, a modernização dos equipamentos de TI é algo indispensável para qualquer empresa que queira se manter competitiva em relação a seus concorrentes no mercado. Essa modernização pode vir através das mais diversas formas,...

ler mais
Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá 👋 Posso ajudar? Se quiser saber mais sobre Locação de Equipamentos de TI é só mandar uma mensagem 😉